31/01/2012


Digo que sou um mero contentamento com o mundo. As coisas pendem os desafios que esqueço no bolso. O mundo gira, eu não saio do mesmo lugar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário