08/02/2012

Descobrir-se é inspiração de inventar o ser. Desde que não impeça dessaber onde ir, vale à pena devir destinos para se perder.

2 comentários:

  1. Quero perder-me sem rimas, em palavras desconexas, rendido ao encanto da descoberta, atado a laços de procuras, por inuteis caminhos percorridos, no abrigo secreto dos perdidos.

    ResponderExcluir
  2. Deixo-me rendido assim ao encantamento de ver-te em mim.

    ResponderExcluir