04/08/2012


Ensaio guardar das horas a marca que sentindo o compasso alarga-me. Indo, ao tempo porvir, fazem companhia ao ritmo que me deva sossegar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário